Home   Nosso Jeito de Ser

Nosso Jeito de Ser

O Recreio iniciou suas atividades em fevereiro de 1982, no bairro de Pinheiros, Zona Oeste de São Paulo, atendendo crianças de 2 meses a 4 anos. Inicialmente, funcionávamos como berçário e recreação infantil – um espaço em que os pais podiam deixar as crianças no período inverso ao que frequentavam a escola. As crianças do berçário foram crescendo e, com isso, veio a necessidade de estruturar mais o trabalho pedagógico, sem deixarmos de considerar que criança é criança e de valorizarmos o brincar. Em 1984, passamos a oferecer educação infantil em meio período e período integral e contratamos uma orientadora pedagógica. Já no ano seguinte, o aumento no número de alunos obrigou-nos a mudar para uma casa maior, no Alto de Pinheiros – e passamos a ter duas orientadoras. O desenvolvimento das crianças e o aprimoramento do trabalho pedagógico, aliados ao desejo dos pais de ampliarmos nossa faixa de atendimento, resultaram na mudança em 1997 para a rua Mourato Coelho, 1390, na Vila Madalena. Em 2001 formamos nossa primeira turma do Pré. No 2º semestre de 2013, mudamos para a Rua Sucuriú, 249, nosso atual endereço. Ao longo de todo esse tempo, nossa escola cresceu, adaptou-se às necessidades de pais e alunos, mas a ideia básica se manteve: brincadeira é coisa séria, não é à toa que o nome da escola é Recreio.

Criança tem que brincar, pois é dessa maneira que se desenvolve, interage e descobre o mundo.

O Recreio é uma escola de Educação Infantil diferenciada pelo atendimento exclusivo à faixa etária de 4 meses a 6 anos. Entendemos este período como peculiar e de suma importância para a formação de indivíduos íntegros, questionadores, cidadãos criativos. O trabalho na Escola de Educação Infantil deve ser muito particularizado, a inserção de cada criança num grupo e na vida social tem de ser cuidada. Esta etapa da vida das crianças é fundamental para a postura que terão frente à vida. É etapa de formação, época em que entrarão em contato com o mundo externo à sua família: vivenciarão disputas, conflitos, confrontos de opiniões e ideias. Aprenderão regras de convívio social, a respeitar limites, a realizar trocas e fazer acordos. Poderão descobrir o prazer de viver em grupo, de ter companhia para brincar e conhecer o mundo.